quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Blogs Corporativos como Comunidades Temáticas

Por Anamaria Oliveira

Continuando a série sobre Blogs Corporativos, hoje vamos falar sobre o uso do Blog Corporativo como alavancagem de Comunidades Temáticas. Para quem chegou agora e quiser acompanhar a discussão, convido a ver os posts anteriores; Blogs Corporativos de Gestão de Projetos, Blogs Corporativos de Relações Públicas e Relações Públicas 2.0 - Blogs Corporativos

Para começar, que tal falarmos do que se trata efetivamente uma comunidade?

O sociólogo Ferdinand Tonnies (1855-1936) definiu comunidade como uma vontade orgânica, oculta e institiva onde o sentimento de “pertencer” a determinado grupo de pessoas é acima de tudo, auto-gratificante.

Já o sociólogo polonês Zygmunt Bauman em 2003 afirmou que, antes de tudo, a palavra comunidade guarda sensações, sugerindo coisas boas e “um lugar confortável e aconchegante” onde “estamos seguros”, “não há perigos ocultos”, “todos nos entendemos bem”, “nunca somos estranhos entre nós” e “podemos contar com a boa vontade dos outros”.

Para Clair Vieira de Moraes, consultora do Programa Nacional de Apoio à Modernização da Gestão Administrativa e Fiscal dos Municípios Brasileiros - PNAFM, as comunidades temáticas criam oportunidades para que os participantes possam expressar idéias sem sofrer censuras, organizá-las em dados e, em seguida, transformá-las em informação, gerando assim um resultado lógico. Para saber mais sobre esse projeto, veja “Para FGV, comunidades temáticas são solução para aproveitar diferenças entre as prefeituras”.

A partir desses pontos de vista, soma-se a explosão da Internet como agente de potência ilimitada para conectar pessoas com interesses comuns estimulando-as a disseminar e compartilhar informações, experiências, anseios, reputações, problemas, soluções, etc.

Somente no Brasil, de acordo com o vídeo da Agência Click publicado no final de janeiro de 2010, somos o 4º país no mundo onde se lê mais blogs, sendo que cerca de 2.600.000 blogs são atualizados todos os dias. Comunidades online antes observadas somente para público relacionado a tecnologia, Clube do Hardware, Comunidade Microsoft Brasil, agora estão atendendo a cada dia novos e novos nichos. Do mercado financeiro Dinheirama.com aos moradores de rua Ruas Digitais, dos amantes da culinária Receitáculo.com aos fãs da vida de solteiro Diário de Solteiro.

Diante disso, empresas começam a investir em blogs altamente especializados objetivando atingir determinados nichos com intuito de informar, aproximar e engajar tais públicos, promovendo mobilização em torno de temas intimamentes ligados à sua estratégia e apoiadas no fenômeno cada vez mais reconhecido da Cauda Longa.

Esse é o exemplo do Blog ReGeneration, iniciativa da Dell para a comunidade voltada à preservação do meio ambiente, com objetivo de propagar práticas sustentáveis que ocorrem em torno do mundo e como estas podem ajudar mudando os seus hábitos.

O blog reúne recursos de colaboração, como as ferramentas de controle de atualizações “RSS” e de associação de palavras-chave. Outro destaque é o “O que significa verde para você?” Incentivando os visitantes a escreverem suas idéias e opiniões a respeito do tema.

Outro case, é o brasileiro Blog Comunidade Banco do Planeta, mantido pelo Banco Bradesco. O blog também permite a interação dos usuários ao redor do tema Sustentabilidade e Meio Ambiente, tema este que está ligado intimamente à sua estratégia de fortalecimento da imagem institucional.

Como vimos os Blogs Corporativos como Comunidades Temáticas podem ser utilizados por organizações de forma estratégica, mas é sempre válido reforçar as fases de planejamento e construção de governança adequada ao blog, assim como deixar extremamente claro ao visitante quais são os objetivos e políticas do mesmo.

E vocês o que acham? Quais outras iniciativas de blogs corporativos como comunidades temáticas vocês acham interessantes? As empresas tem deixado claro os objetivos de ações como essas?

Continuaremos a série sobre blogs corporativos falando sobre “O blog da Liderança”. Até lá!

5 comentários:

Carol Terra disse...

Eu acredito mais em blogs que foquem em uma tema/assunto do que naqueles genéricos. Estou totalmente de acordo com o conceito de formação de comunidades. Com um blog temático, aglutinam-se pessoas em torno desse tema e temos a chance de termos vários especialistas falando sobre o assunto. Ótimo post. Beijos, Carol Terra (http://rpalavreando.blogspot.com)

Cibele Silva disse...

Não conhecia nenhum blog com essa especificação. Gostei dos dois, os dois falam sobre sustentabilidade, mas será que tem algum outro que não trate somente de responsabilidade e de sustentabilidade? Vejo muito isso ultimamente, será que as empresas não conseguem pensar em outra estratégia na rede que não seja falar sobre sustentabilidade?!

Como sempre ótimo post Ana, parabéns pela seção que você está fazendo de blogs corporativos.

Abraços,
Belle
@blogabordo

Anamaria disse...

Olá!
Muito obrigada pela leitura, comentários e retweets.É muito gratificante saber que vocês tem apreciado esta série!

E respondendo a pergunta da Belle, tenho a dizer que em se tratando de Blogs 'Corporativos' do tipo Comunidade Temática há realmente uma tendência das empresas caminharem bastante pra essa questão da sustentabilidade. Questão de tendência ou estratégia do negócio. De qualquer forma, dá uma olhada no blog da Microsoft Comunidade Brasil, citado no texto, foge um pouco do assunto que mencionou.

Se sairmos da esfera de blogs corporativos, um exemplo curioso de blog comunidade temática, é esse das Ruas Digitais... Comento porque blogs assim estão cada vez mais comuns na rede.

Abração e excelente semana!

Anamaria Oliveira (@Anissyma)

Natalya Nunes disse...

Olá, Anamaria! :D

Muito bom o seu post!

Sempre que penso em blogs, me vem à mente aquela história de que o twitter está matando os blogs. Eu discordo totalmente, acredito que o Microblog só contribui para o crescimento dessa ferramenta interativa.

É muito bacana essa questão de comunidades temáticas, afinal, quanto mais interatividade a empresa tiver com seus diversos públicos, melhor para a sua imagem.

Um beijo.
@nataozinha

Anamaria disse...

Natalya,

eu também discordo que o twitter esteja matando os blogs, acredito que as duas ferramentas se complementam.

Que bom ter gostado do post.
Obrigada pelo comentário.

Abraços,
Anamaria