sexta-feira, 24 de julho de 2009

A importância de gerir sua marca


Tal quais as marcas Lehmann Brothers, AIG, Bear Stearns e Merrill Lynch, Airbus costumam frequentar as listas de marcas mais valiosas.
É um problema quando listas assim são produzidas, pois transmitem a idéia errada de que o valor da marca é estável, e que aquele número permanecerá valioso até a próxima edição da lista. O erro maior, porém, é acreditar nessas listas e tomar decisões com base nelas. Pois, como agente sabe, por causa da rápida mudança do cenário econômico mundial, não tem sido casos raros aquelas marcas que perderam valor da noite para o dia.

Lembre-se disso da próxima vez em que for viajar e encontrar à sua disposição um avião da marca Airbus. Na maioria das vezes será uma surpresa, pois raramente o consumidor quando compra uma passagem aérea escolhe a marca do avião em que vai viajar. Quando muito - e especialmente no Brasil de pouca competitividade no setor (que possui a maior parte do mercado aéreo na mão de apenas duas companhias) - pode-se escolher apenas a companhia aérea, seja pela credibilidade ou pelo serviço de bordo oferecido.

É óbvio que a marca Airbus está associada a produtos de alta tecnologia, e que os seus aviões são utilizados mundo afora. Entretanto, a sequência de acidentes recentes envolvendo a companhia é muito preocupante, e revela, inclusive, um comportamento atípico de comunicação, totalmente contrário às melhores práticas atuais de comunicação de marcas. Pode até ser o caso da necessidade de um branding a ser seguido.

Prestes a embarcar no avião cuja marca não pode escolher, o consumidor, de posse de uma coleção crescente de más notícias, só pode acreditar na sua fé e torcer para que o serviço e os assentos cada vez mais apertados sejam o menor dos incômodos que irá encontrar.
Junto a tudo isso, as práticas de comunicação da Airbus realmente nos faz pensar que sabemos muito pouco ainda sobre a forma como marcas importantes se comunicam.


2 comentários:

Ocappuccino disse...

Toda essa relação da marca do fabricante do avião também envolve o serviço das empresas aéreas, elas precisam também trabalhar muito bem este público.

Abraços,
Mateus d'Ocappuccino

Cibele Silva disse...

Chamar/fidelizar o público a marca é muito importante para estas empresas obterem tais resultados.

Abraços,
Cibele