domingo, 15 de novembro de 2009

Quer ter sucesso? Então escolha seus clientes

Por Daniele Pedace


Isso mesmo, escolher seus clientes. Pode parecer estranho, mas incentivar as empresas a escolherem seus clientes é um bom negócio. As empresas que escolhem seus clientes são mais bem-sucedidas e têm melhor rentabilidade do que aquelas que mantêm uma clientela volumosa, mas que escolhem sem critério.
As empresas tendem a avaliar seus clientes pelos produtos ou serviços que consomem ou pela quantidade comprada. Outro critério é acompanhar as compras realizadas na concorrência e as práticas comerciais dos concorrentes.

Mas o que é melhor, ter um cliente que o considere um parceiro, permite participar de todo o processo, oferece a oportunidade de atendê-lo com a melhor solução de maneira antecipada, e contribui assim para o seu próprio aperfeiçoamento ou ter um cliente que se baseia apenas em preço?

Em geral as organizações que cedem aos pedidos dos clientes, sem entender o que realmente é valor para eles, acabam prejudicando sua credibilidade. É importante selecionar os clientes, compartilhar valores, visando sempre melhores resultados e o bem comum.

Com isso, é necessário somar as percepções de todos os departamentos da empresa sobre como pensam e sentem os clientes, dessa forma, obtendo informações importantes na hora de avaliar.

Cada empresa tem sua cultura, além de um jeito de se relacionar próprio. As organizações criam um sistema social próprio e estas características devem ser consideradas na hora de se entender e se apresentar aos clientes, principalmente durante as negociações.

Ser seletivo em relação aos clientes torna possível a dedicação em mais esforços e recursos para manter o foco, o que é determinante para o sucesso das empresas. Por isso, todas as áreas da empresa devem ser voltadas para atender aos clientes, contemplando a escolha dos melhores para atrair e manter na sua carteira.
Informações retiradas do site Jornale.

2 comentários:

LIVIA disse...

Muito boa abordagem!

É mais rentável manter os melhores clientes, do que prospectar novas. Por isso, a importância de conhecer cada cliente e seus comportamentos de compra.

Abraços,
Lívia Brito.

A Bordo disse...

As organizações tentam prospectar clientes, mas não cuidam nem dos que já tem, realmente é mais rentável cuidar do que já é seu. Um setor que precisa muito ter essa visão é o de telefônia.

Abraços,
Belle