terça-feira, 4 de agosto de 2009

Biblioteca digital do MEC


O Ministério da Educação lançou em 2004 uma biblioteca digital com um acervo de renomados pintores, mais de 500 obras (entre livros, músicas e vídeos do TV Escola) e mais de 700 obras de literatura portuguesa, que são de domínio público, ou seja, os direitos autorais não são de exclusividade de um indivíduo, são heranças culturais da humanidade.
Uma iniciativa muito importante para nosso país, pois nos oferece livre acesso a cultura e a cidadania.
De fácil navegação, rapidez na procura e nos downloads, o portal Domínio Público disponibiliza obras maravilhosas como a Divina Comédia, de Dante Alighieri, e uma homenagem a Machado de Assis disponibilizando, em página especial, sua obra completa.
Um bem que temos e podemos considerar como precioso, pois proporciona a nossa sociedade, a cultura. Desde 2007 circula na internet que o site do Domínio Público sairá do ar por falta de visitação, a informação não é real, pois o site teve mais de 12 milhões de visitas desde sua inauguração, também houve mais de 14 milhões de downloads.

O coordenador do site informou que nunca pensou na possibilidade de extinguir o site, não sabe a procedência do e-mail, porém afirma que o e-mail só ajudou a crescer o acesso e a utilização do domínio.

De qualquer forma não deixaremos que boatos virem realidade, portando o A Bordo traz essa dica para o acesso, a cultura sempre merece uma maior divulgação, pois sites realmente importantes como este merecem todas as atenções.

Acessem Domínio Público e continuem A Bordo de novos conhecimentos, cultura e entretenimento.

Postado por Kelly Fusteros e Cibele Cristina da Silva

5 comentários:

Ocappuccino disse...

A bordo também é cultura hehehe

Aí está o resultado da pesquisa de livros/textos sobre comunicação, é bom para divulgar o trabalho de gente que não é tão famoso, pois os autores são na maioria desconhecidos, para mim pelo menos.

http://www.dominiopublico.gov.br/pesquisa/ResultadoPesquisaObraForm.do?first=50&skip=0&ds_titulo=&co_autor=&no_autor=&co_categoria=80&pagina=1&select_action=Submit&co_midia=2&co_obra=&co_idioma=1&colunaOrdenar=null&ordem=null

mateus d'ocappuccino

Marcio Hasegava disse...

Realmente uma dica interessante. Já tinha conhecimento dela, mas é sempre legal ressaltar esse tipo de coisa.

Aliás, um grande debate que deveria ser feito no Brasil é: se uma obra é financiada através de empresas que obtiverem abatimento em imposto, esta obra - que, de certa forma, todos nós estamos arcando - não deveria ser, desde já, uma obra em domínio público?

Cibele Silva disse...

Hasegava, concordo que daria um bom debate.
Mas não acredito que as empresas deixariam de ter a obra exclusiva e liberar para domínio público, sendo que eles podem abater o imposto e ganhar com as vendas - capitalismo - qdo mais melhor.

Abraços,
Belle (A Bordo)

Aline Derenzi disse...

Dica muito boa essa. Eu não conhecia esse site, entrei e gostei. Realmente é uma iniciativa ótima pena que nem todos tem o conhecimento desse site.

Gisele Federicce disse...

Bele, ótimo post. Só uma informação: quando uma empresa patrocina uma obra por meio de abatimento de imposto (como Lei Rouanet), ela não ganha com as vendas.